terça-feira, 4 de abril de 2017

Suspeita De Fraude Em Processo Seletivo Da FMIJ




Postado pordiariodaplanicie 


Imagens que circulam na rede expõe uma possível fraude, das cabeludas, no processo seletivo organizado pela Fundação Municipal da Infância e Juventude, colocando mais uma vez em cheque a idoneidade da relação Executivo x Legislativo. Nos prints que espalharam-se feito rastro de pólvora, uma pessoa identificada supostamente como Flexinha, que segundo informações, o rapaz seria Assessor do Vereador Magal.

Suspeita De Fraude Em Processo Seletivo Da FMIJ

O Processo Seletivo é um certame para atender as demandas temporárias e excepcionais dos acolhimentos, justo, haja vista a imprevisibilidade do número de acolhidos, bem como suas necessidades individuais. Porém, este expediente usado desde a gestão passada sempre foi alvo de duras críticas pelo atual gestor, o advogado do Prefeito a época, hoje Procurador Geral do município, chegou inclusive a impetrar uma ação para impedir o REDA, que em todos os aspectos se iguala ao Processo Seletivo, e hoje, conforme a conveniência, este entendimento mudou.
Mas voltando aos prints, levanta-se, no mínimo, questionamentos quanto a seriedade deste Processo Seletivo. A Suposição de que estas vagas estejam nas mãos de vereadores da base provocam humores raivosos em quem espera o reposicionamento no mercado de trabalho, ante a crise econômica nacional, mas ao ver um assessor pedir nome completo e o número de inscrição, sob a promessa de “ver com o Vereador” um jeitinho de burlar as regras, todas as esperanças caem por terra, pois tudo será uma mera encenação, os atores já estão escolhidos, mas o show tem que continuar.
Não nos resta opção que não seja rogar ao Ministério Público, órgão não só competente para investigar o caso, mas também altamente eficiente em fiscalizar o poder executivo, bom, ao menos na gestão passada, que intervenha e traga a luz da verdade para as milhares de pessoas que dormiram na fia aguardando a abertura dos portões. A conferir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário