terça-feira, 6 de junho de 2017

REVOGAÇÃO DA COBRANÇA DA TAXA DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA EM ITALVA-RJ.



“É um absurdo sobrecarregar ainda mais os bolsos dos cidadãos com tributos como a Taxa de Iluminação Pública”, diz o vereador Motoka, em rede social. O vereador Motoka quer criar um  Projeto de Lei  para revogar a Lei nº 798, de 29 de setembro de 2009, que foi aprovada na Gestão do  Presidente da Câmara Wilson Nogueira, em 2009, o Projeto de Lei, que “institui a contribuição para custeio do serviço de iluminação pública”.

Preocupado com os altos preços dos impostos, taxas e contribuições pagos mensalmente pelas famílias Italvenses, o Vereador Motoka afirma que “é inaceitável que o consumidor tenha que deixar de pagar sua conta de energia elétrica para poder eventualmente contestar os valores da taxa de iluminação”.

A Prefeita Margareth que vem fazendo um governo dentro do esperado com o pagamento dos servidores em dia e os serviços essenciais funcionando dentro de sua normalidade herdou esse problema, mais com sabedoria vai saber resolver, pois quem ganha com esta revogação é a população italvense.


                       Presidente da Câmara Wilson Nogueira em 2009 

Nenhum comentário:

Postar um comentário